- O parto Natural e humanizado de verdade - A maneira segura e emocionante de ajudar mulheres trazer crianças ao mundo

sábado, 27 de agosto de 2011

"Brigar" pelo Parto



Me incomoda de certa forma, ver as mulheres brigando por seus partos.
Pq a gente so briga pelo que nao tem, pelo que nao esta facil. E quando brigamos, nos colocamos contra alguma coisa.

Sei que mtas mulheres aqui tiveram literalmente que brigar por seus partos. Algumas conseguiram, outras nao.

Outras nao brigaram, simplesmente se entregam às maos do seu medico "pq ele sabe o que é melhor e eu nao tinha opçao, pq meu plano nao cobre profissional humanizado". E ate mesmo alghumas dessas conseguiram parir.

As duas formas acima de sonhar ou planejar partos tem suas falhas e seus sucessos, mas nao sao garantias de um parto legal.

Porem, todas as mulheres que EU acompanhei o TP e pararam de brigar, sem se entregar aos deuses medicos, conseguiram.

Nao sei se consigo ser clara, mas nao é uma postura ativa de negaçao ("Nao vou ter cesarea e ponto final!) nem de "seja o que deus quiser" que trazem o parto que queremos. 
Somente a sutileza do obvio pode trazer.

Vou citar duas pessoas que acompanhei da lista e que nao se importam que eu comente. Uma foi a Antonieta, recentemente. Enquanto ela estava "brigando" por seu parto, seu parto nao lhe estava acessivel. Mas qd duas pessoas na qual ela confiou (nao cega, mas racionalmente) lhe disseram o que honestamente achavam, ela concordou pq no fundo acho que sempre soube como poderia ser e, entao, de fato, confiou.
Traduzindo, foi naquele momento que ela parou de brigar e se entregou ao que de melhor poderia acontecer de forma segura naquele momento.
Seu parto foi como sua busca pelo seu parto. Demorou a pegar e precisou de intervençao de outras pessoas, tanto para encontrar suas parteiras, quanto para iniciiar seu TP. Mas qd começou mesmo, nao deu tempo de nada. Surpreendeu positivamente a todos. E nos deu uma alegria particular nesta lista. Foi uma historia de muito sucesso onde ela com o marido mais maduros e os profissionais, na hora certa fizeram a diferença. Talvez nem antes nem depois tivesse o mesmo desfecho, mas o universo conspira a favor.

E a outra... 
Todo mundo conhece a Renata, ela dispensa comentarios, mesmo assim vou comentar!
Todos dizem que pra Renata foi facil. A Renata é mto mais do que confiante... Ela é espontanea. Se nao fosse tao esperta, eu diria que é ingenua. Nao ve disficuldade onde geralmente vemos, ve o que quer ver e faz acontecer. Deve ter a ver com a criatividade, sei la. Mas ela nunca brigou tanto quanto nunca duvidou.
Talvez para ela, nao tenha realmente sido dificil parir, mas seu merito nao esta em mentalizar 18 meses seus 2 partos, o merito esta na construçao da pessoa que é. E mudar tudo é mto mais dificil do que mudar so para parir. Mas ainda sim, A Renata ja veio assim. Nossos pensamentos sao bem parecidos, mas eu tive que me construir nesta vida, e nesta, ela ja veio assim... Meio que totalmente pronta rs.

Algumas nao concordarão. Acredito que isso aconteça por nao compreender o que realmente estou dizendo. Mas antes dessa conclusao, quero que saibam que nao estou falando da mulher que nao esta nem ai pro seu parto pq sabe que vai enganar seu medico e chegar parindo, jamais diria isso e isso nunca deu certo.

Estou simplesmente dizendo que existe um padrao e nao coisas inexplicaveis desconectadas e misteriosas para conseguir ou nao. 
Ha poucas coisas das quais estou certa, mas esta é uma das que acredito que realmente esteja conseguindo uma conclusao logica.
Eu preciso disso para trabalhar.

Fim das minhas teorias por hoje!

2 comentários:

Carolina Daemon Oliveira Pereira disse...

Oi,
Meu blog concorre ao TOPBLOG na categoria sustentabilidade.

Cheguei ao segundo turno, tendo ficado entre os 30 primeiros em todas as apurações e mais do que nunca, preciso que todos votem. Os votos do primeiro turno não contam para o segundo, daí minha insistência.

Para votar, basta clicar no link abaixo, escolher a opção email, digitar nome-email e depois, confirmar o voto pela mensagem recebida.
Votos não confirmados, não são computados.
Pode-se votar de vários emails diferentes.
As votações encerram em 1 semana.

http://www.topblog.com.br/2011/index.php?pg=busca&c_b=19130455

Um abraço e obrigada,
Carolina

Carol, Nando e André disse...

Ah Didy!! Me identifiquei pra caramba com essa tua postagem. Na gravidez do André eu briguei o tempo todo, brigava nas listas, brigava com meu médico, nunca consegui me entregar e terminei em...cesária!! Ao mesmo tempo, eu não conseguia entender porque brigar tanto por algo que deveria ser natural, mas todo mundo falava que eu tinha que lutar, mover mundos e fundos, e eu lutei... mas talvez com as pessoas erradas...

Estou tentando fazer diferente desta vez!
E você vai me ajudar.

Beijos,
Carol

Eles já me visitaram